Dear Meninice


Image and video hosting by TinyPic Image and video hosting by TinyPic
Sempre tive essa mania de ficar viajando no tempo, e do nada lembrar de momentos inusitados que tive na infância. Lembro do quanto fui feliz, e o quanto era bom ser criança.
Fui uma criança extremamente tímida, muito mesmo, ao extremo, muitas vezes não conseguia me expressar na frente de estranhos, e perdi muita coisa por conta disso... Parei para pensar hoje como seria se  tivesse seguido caminhos diferentes, se tivesse continuado no ballet e na ginastica olímpica, e talvez como seria se tivesse continuado a viver em João Pessoa e não tivéssemos vindo para o litoral de "São Paulo".  Como seria se eu tivesse sido diferente?.... 
Não posso reclamar e dizer que sofri bullying, pelo contrario, sempre fui invisível, pequena, magrinha, e quietinha, quase ninguém me notava, pelo menos até colocar aparelhos numa época que quase ninguém tinha. Mais nada que me deixasse mal, ao ponto de não querer ir mais a escola, pelo contrario eu adorava, principalmente as aulas de artes. A solidão sempre foi uma amiga, eu adorava ficar sozinha e brincar com amigos imaginários e ficar surrurando enquanto oferecia chá para minhas bonecas. Minha unica irmã que é 5 anos mais velha, era totalmente extrovertida e linda, eu sempre me senti um patinho feio, mais isso era o de menos. O melhor era ouvir Rock com meu pai, ouvir legião, guns n' roses, entre outros.. naqueles raidinhos antigos bem na época que tinham acabando de lançar os Cd's. As vezes agente ficava lá fora só olhando pro céu e ele me contava histórias...  Quando fui crescendo essa timidez foi passando eu passei a me relacionar melhor com as pessoas e deixei aos poucos aquela antiga timidez, mamãe as vezes me chamava de bicho do mato (de um jeito carinhoso). Hoje parei para pensar que bons tempos eram aqueles em que não precisava me preocupar com o tempo, que podia colocar um lençol no pescoço e me sentir uma fada, fazer casinhas atras do sofá e finjir que era meu castelo e que era uma princesa, brincar de esconde esconde e pular amarelinha até anoitecer...  Enfim não tenho que reclamar sobre nada, todos os momentos e tudo que passei na infância hoje são lembranças maravilhosas que vou guardar para sempre <3

Image and video hosting by TinyPic
Image and video hosting by TinyPic





14 comentários:

Rute Borges disse...

Pelo texto.
Te seguindo
beijos :)


meiacolherdeacucar.blogspot.com

Rute Borges disse...

Belo* eieoueoiue

Aline Emmendorfer disse...

Adorei o texto! Que fotinhas lindas.
Já estou seguindo teu bloguinho.

Retribuindo a visitinha...
http://brilhodosoool.blogspot.com
ATUALIZADO, confira!!!

Beijinhoooos

Nadja Webber disse...

Nossa, pura verdade essa ultima frase!
Adorei!
To seguindo já, se puder retribuir...
Beijos
Nadja
http://csdemulher.blogspot.com/

Ana Carolina disse...

Me identifiquei um pouco, eu também fazia ginastica olimpica e sempre penso o que estaria acontecendo agora se eu tivesse seguido realmente a carreira? com certeza eu não estaria fazendo meteorologia. hehe
Bom esse teu post é ótimo bom pra gente pensa um pouco na vida, no que eu sou, desde nova até hoje, quais as mudanças enfim, gostei.

beijinhos Carol
www.modasdacarol.blogspot.com

Belly f. ՏՁ ☮ disse...

ah tambem tenho muita coisa boa ´pra lembrar da minha infancia *-*
Beijos
@Beellyf
http://www.bellyfcherry.com

Brenda Santos disse...

Nossa que lindo o post, já estou seguindo e obrigada por visitar meu blog...

Beijos
@tudodmenina
http://tudodmenina.blogspot.com

Juuh s2 disse...

awn que lindo o post
as vezes eu tambem fico me lembrando da minha infancia, ah, como era bom...
me identifiquei um pouco com vc agora, tambem nunca sofri bullying mas na minha escola eu tambem so invisivel
outro dia um garoto que estudava comigo ha mais de 3 anos me pergunto qual era o meu nome, eu fiquei mó triste, mas depois pensei em tudo na vida que eu tenho de bom, familia, amigos, comida e, compensou, me fez enxergar como minha vida é boa
beijos
http://s2juuh.blogspot.com/

Lidiane Praxedes disse...

Adorei o texto...
Também sinto saudades da minha infância...
Ao contrário de ti, era muito extrovertida... E acho que virei meio "bicho do mato" depois de adulta!!!
Besos
Lidi
http://viciosedesejos.blogspot.com

Leonardo Teófilo disse...

Hey Paullyne! Eu adorei seu blog, sério mesmo (:

"Fui uma criança extremamente tímida, muito mesmo, ao extremo, muitas vezes não conseguia me expressar na frente de estranhos, e perdi muita coisa por conta disso..."

Me identifiquei ~

Beijo grande!

http://fashiondecente.blogspot.com/

Lanny F disse...

Que texto nostalgico... me fez lembrar de tantas coisa da minha infância!

Beijos,
http://sorvetedecupu.blogspot.com/
@sorvetedecupu

Bárbara Neves disse...

Amei essa sitação, vou fazer isso domingo ;)
=/
beijos e ótimo final de semana
http://combarbaraneves.blogspot.com/

@Bonnytinha disse...

Que fofa!!! Amei o texto...e vamos agradecer a vida :)
beijos
@bonnytinha
www.vengent.blogspot.com

marcodesenhistabaduka.blogspot.com disse...

oi gostei do seu blog entra no meu tem desenho maneiras bjs e me adcionar